Neste post abordaremos o backup realizado na nuvem. Assunto este que vem crescendo com extrema rapidez no mundo corporativo e que pode determinar qual provedor de nuvem será escolhido pelos gestores de TI no caso de uma disputa comercial.

O Microsoft Azure Backup é uma solução de backup que utiliza os serviços da plataforma de nuvem da Microsoft para armazenar, gerenciar e proteger os dados de maneira simples e confiável.

4201.AzureBackupEsta solução tem uma arquitetura de cliente/servidor, dessa forma todos os servidores que utilizarão o serviço devem conter o Azure Backup Agent instalado e serem registrados em um Backup Vault do Microsoft Azure (maiores informações aqui).

A Microsoft garante a confiabilidade desse serviço com a criação e gerenciamento de cópias redundantes geograficamente através da replicação geo-automática. São 3 cópias de dados armazenados em um único Azure Datacenter e, opcionalmente, em um Datacenter adicional. Também está assegurada a disponibilidade de 99,9% do serviço, acordada através de SLA.

Quanto a segurança, o Azure Backup criptografa os dados tanto em trânsito quanto em repouso, garantindo a criptografia de todos os dados enviados e recebidos pelo Azure Backup Agent instalado no servidor do cliente. As chaves de criptografia são gerenciadas pelo cliente. A Microsoft, como um provedor de serviços de backup on-line, não tem conhecimento das chaves.

Segurança e privacidade de dados são prioridades na Microsoft, que sabe da importância desse ativos para seus clientes corporativos. O Centro de Confiabilidade da Microsoft Azure oferece todas as informações necessárias.

Hoje, o serviço está disponível em 17 regiões do mundo, incluindo o Brasil. O Azure oferece um ótimo custo-benefício, a começar por ser uma boa alternativa para eliminação das famosas fitas de backup concentradas localmente. Suas tarifas são medidas por GB de armazenamento consumido através de um modelo pay-as-you-go.

Podemos citar as seguintes funcionalidades disponíveis no serviço:

 

  • Backup dos arquivos e pastas do Windows Servers e Windows Clients;
  • Integração com o System Center Data Protection Manager para fazer backup de todos os aplicativos críticos, incluindo o SharePoint, o Exchange e SQL; arquivos e pastas, Servers, Clients, System State e BMR;
  • Funcionamento do DPM com o Hyper-V Volume Shadow Copy Services (VSS);
  • Backup do Azure VMs IaaS (preview);
  • Criptografia os dados de backup usando AES256 antes de enviar os dados para o Azure, sobre ligação https, a fim de garantir a segurança;
  • Compressão de dados de backup antes de enviar para o Azure, utilizando de forma eficiente a largura da banda e o armazenamento;
  • Opções de Locally Redundant Storage (LRS) e Geographically Redundant Storage (GRS) para armazenar os dados de backup;
  • Capacidade de restore granular.
  • Nota: No backup para Windows Server é necessária a configuração do System Center - DPM.
  • Eliminação das Fitas
  • Conforme dito anteriormente, o serviço proporciona a eliminação das tradicionais fitas de backup, que são mais factíveis à falhas, ocupam muito espaço e tem um custo alto para as empresas. Atualmente, a política de retenção oferecida pela Microsoft é de até 99 anos de armazenamento de dados.
  • Existe também a possibilidade do uso de políticas diferentes para cada backup realizado.
  • Microsoft Azure Site Recovery
  • Este é um serviço de proteção de VMs utilizado para replicação entre dois ambientes on-premise ou entre um ambiente on-premise e a nuvem Azure.
  • asr_scenerio_thumbPara replicar as máquinas virtuais do ambiente on-premise é necessária uma conta do Azure Visual Studio Premium com o serviço Site Recovery habilitado.
  • Existe uma série de pré-requisitos de sistema e infraestrutura que devem ser implementados antes de iniciar uma replicação. A configuração passo-a-passo do Microsoft Azure Site Recovery pode ser conferida aqui.
  • Ambientes Suportados pelo Microsoft Azure Backup
  • Clouds
  • Private
  • Hybrid
  • Azure
  • Platforms

    • Hyper-V 2008 R2, Hyper-V 2012 R2 Hosts

    • Windows Server 2008 R2, Windows Server 2012 R2

    Windows Clients

     

    • Windows 7, Windows 8, Windows 8.1

    System Center Data Protection Manager

    • System Center 2012, System Center 2012 R2 Microsoft SQL

    • SQL 2005, SQL 2008 R2, SQL 2012 SP2, SQL 2014

    Microsoft Exchange

    • Exchange 2007, Exchange 2010, Exchange 2013

    Microsoft SharePoint

    SharePoint 3.0, SharePoint 2007, SharePoint 2010, SharePoint 2013

    Software

    • System Center Data Protection Manager

    • System Center Operations Manager

    Fonte: Talkitbr